DESCUBRA O QUE O BANCO E A MULHER TÊM EM COMUM

SEGUNDO O IBGE O VALOR DOS HOMENS NO BRASIL ESTÁ EM ALTA COMO NUNCA .DESCUBRA O QUE O BANCO E A MULHER TÊM EM COMUM
TRATE SEU HOMEM COM MUITO CARINHO

ELIAS BOELL JÚNIOR

Segundo o último senso do IBGE o valor dos homens está em alta como nunca antes, em vantagem com relação as mulheres. Haja vista haver 4.000.000(quatro milhões) de mulheres a mais que homens no Brasil. E você internauta já sabe que o valor daquilo que há em menor escala é o mais alto e mais precioso. Seguindo a mesma regra econômica ainda o que há em maior quantidade na escala torna-se de menor valor. É mais ou menos como ouro, onde ele é escasso, torna-se muito caro.

O senso do IBGE apurou ainda que nascem mais homens que mulheres, porém, os homens  morrem mais cedo que as mulheres e elas se tornam maioria ainda na juventude, antes dos 20 anos.

Então, o senso do IBGE confirma minha asserção de que o machismo é algo inventado na sociedade. Se é que o machismo existe no Brasil, cadê os brasileiros do sexo masculino superprotegidos como sugere o machismo, se é que o machismo existe, não deveriam ser os meninos os privilegiados em tudo?Mas não são. Isso fica muito claro em tudo.

Nas estatísticas do Brasil já haviam sido detectados automóveis demais nas ruas, sacolas plásticas e muitos outros objetos.Agora as mulheres também. Pois são quatro milhões a mais!

Na prefeitura onde eu trabalhava havia uma loira, devia ter uns 2 metros de altura, trabalhava com contabilidade, ela sempre fazia piada dos homens, chegava a levantar da cadeira para em alta e nítida voz, rir-se dos homens. Eu sempre ficava quieto. Certo dia, perguntei ao pessoal do meu setor: " O que o banco e a mulher têm em comum? E ocorreu que ninguém tal como a loira, souberam me responder então, disse-lhes; "O que o banco e a mulher têm em comum é que ambos tratam bem o bruto pra ficar o líquido todo!"...